Artes cênicas e trabalho no Brasil: proposta para eliminar a precarização. Caderno de textos 6

Escrito em abril de 2019

“Atualmente o contexto trabalhista na área das artes cênicas no Brasil encontra-se extremamente precarizado. Sempre foi. E é hora de mudar.

Dança, teatro, circo, performance e também a música. São profissionais das artes cênicas as bailarinas/os, atrizes/atores, circenses, performers, musicistas/músicos, coreógrafas/os, diretoras/es, preparadoras/es corporais, cenógrafas/os, figurinistas, técnicas de som e luz, designers de luz, dramaturgas/os e outras várias profissões existentes nessa área.

São raros os empregos fixos na área das artes cênicas. Os trabalhos temporários estão cheios de irregularidades trabalhistas, muitos sequer dispõe de contrato de trabalho. As remunerações são instáveis, ou seja, não há estabilidade financeira. A maioria dos artistas trabalha concomitantemente em outras áreas ou funções para que seja viabilizada sua profissão.”

Clique aqui e realize o download gratuito